top of page

Sistema de Gestão da Informação de Áreas Contaminadas - SINGAC

Atualizado: 8 de fev. de 2023


Aconteceu em Brasília, no dia 12/12/2022 o lançamento do Sistema de Gestão da Informação de Áreas Contaminadas - SINGAC com a presença do Presidente da AESAS para o Biênio 2022 e 2024, Sérgio Rameh e Thiago Gomes, conselheiro da associação.


Por intermédio da Portaria MMA nº 603 de 10 de dezembro de 2020 que instituiu o Programa Nacional de Recuperação de Áreas Contaminadas, o MMA formalizou parceria entre AESAS e ABETRE para o desenvolvimento do SINGAC. O SINGAC tem como objetivo a sistematização e digitalização da informação sobre a gestão nacional de áreas contaminadas conforme objetivo estratégico do Programa Nacional de Recuperação de Áreas Contaminadas. O SINGAC foi desenvolvido buscando facilitar a experiência do usuário, visando identificar as particularidades que a gestão das áreas contaminadas possui em cada unidade da federação. O SINGAC foi planejado para possuir perfis de acesso e, desta forma ser um sistema dinâmico que possa absorver as melhorias e os avanços legais que venham a acontecer sem interrupção de seu funcionamento. A gestão da informação de áreas contaminadas é um eixo da Agenda Ambiental Urbana do MMA, que busca a melhoria da qualidade ambiental para a sociedade.


Além do Sistema de Gestão da Informação de Áreas Contaminadas, desde o início do acordo de cooperação, a AESAS em parceria com o SENAC, já certificaram cercade 1500 funcionários públicos de agências ambientais de todo o país e já possui agenda confirmada de cursos para 2023.

Fonte: Aesas.com.br

Para maiores informações acesse o vídeo:


11 visualizações0 comentário

Yorumlar


bottom of page